Quinta Vale do Ruivo, Casas Altas, Branco, 2013
Quinta Vale do Ruivo
Casas Altas, Branco, 2013
DOC Beira Interior

Vinho autêntico de “terroir” obtido a partir de vinhas velhas entre 60 a mais de 100 anos, numa mistura de castas brancas sendo as predominantes Síria, Fonte Cal e Arinto, situadas em encostas a 650 m de altitude em terrenos de solos pobres em areia granítica.

Sorry, this entry is only available in European Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

ANO DE COLHEITA: Em Souropires, Pinhel, 2013 foi um ano chuvoso no inverno e primavera e sem geadas. O verão foi seco e ameno. A chuva caída no início de Setembro acelerou a maturação das uvas, que foram colhidas no final do mês em excelente estado sanitário.

TECNOLOGIA: Vindima manual em caixas de 20 kg, com seleção em mesa de escolha. Desengace total com prensagem suave e decantação natural durante 48 horas. Fermentação em cuba de inox a 16 ºC seguida de agitação de borras finas. Estágio em inox até Agosto com engarrafamento após colagem e ligeira filtragem.

CASTAS: Fonte Cal, Síria, Arinto, etc.

PARÂMETROS ANALÍTICOS:
Álcool – 13% (vol.)
Acidez Total – 7.26 gr /L (ác. Tartárico)
Acidez Volátil – 0.3 g/L (ác. acético)
pH – 3.06.

PROVA ORGANOLÉPTICA: Cor citrina, aroma floral com algumas notas vegetais; na boca mostra excelente mineralidade e frescura , que lhe conferem persistência e final vibrante.

APTIDÕES: Vinho com excelente acidez e bom teor alcoólico, que permite um consumo imediato ou guarda durante vários anos.

MODO DE SERVIR: Servir a 8 °C sem decantação. Perfeito para acompanhar peixe assado, carnes brancas e queijos amanteigados.

PRODUÇÃO: 4 000 garrafas

 DOWNLOAD FICHA TÉCNICA

 


BEBER COM…

QUEIJO DE CABRA FRITO COM CEBOLA CARAMELIZADA

QUEIJO DE CABRA
FRITO COM CEBOLA
CARAMELIZADA

CHEF ANDRÉ MAGALHÃES

INGREDIENTES (para 4 pessoas):

1 queijo de cabra em barra tipo “chèvre” de 200 gr.
2 ovos
100 gr de pão ralado
sal e pimenta q.b.
2 cebolas roxas
300 g de açúcar
100 g de vinagre de vinho tinto
1 dl de água
1 dl de azeite

PREPARAÇÃO:

Cortar o queijo em 8 rodelas idênticas. Molhar numa taça com os ovos batidos. Passar por pão ralado temperado com sal e pimenta.
Passar de novo pelos ovos e uma vez mais pelo pão ralado.
Reservar no frigorífico.
Cortar as cebolas em plumas finas e colocar num tacho. Polvilhar com o açúcar e quando começar a caramelizar juntar o vinagre e a água. Reduzir em lume brando até atingir um ponto espesso
próximo do ponto de Estrada.
Aquecer o azeite numa caçarola e fritar aí o queijo panado até ficar dourado. Secar em papel absorvente para retirar o excesso de azeite.
Servir com a cebola caramelizada e guarnecer com uma salada verde.

A acidez franca e o carácter fresco e “leve” deste vinho harmonizam-se com um queijo de sabor forte, que vê a sua complexidade palatal reforçada pelas notas de caramelização e tostado do panado.