O Vinho à Refeição

Há milhares de anos que o vinho é uma companhia habitual à mesa da refeição nos países da Europa vitícola. Embora também fosse bebido entre as refeições, particularmente pelos trabalhadores rurais, que tinham de cavar de sol a sol, era à mesa que ele tinha honras de grande senhor, sendo apreciado por valorizar a comida que acompanhava, bem como por ser valorizado por essa mesma comida. Não surpreenderá, pois, que hoje em dia se diga que a melhor companhia de um enólogo é um bom chefe de cozinha e vice-versa. Dispor de bons vinhos à mesa da refeição é importante, mas pode não ser motivo suficiente para tirar deles o maior prazer. Torna-se necessário, também, escolher o melhor momento para os apreciar. O ambiente, a companhia, a ocasião e, principalmente, os pratos que os vinhos acompanham, são determinantes para valorizar as características dos vinhos e, consequentemente, o esforço de todos os produtores, enólogos e profissionais que levam o vinho aos consumidores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *